A pré-venda dos ingressos para o filme “Os Dez Mandamentos”, feito com cenas da primeira “novela bíblica” da Record, alcançou a marca de mais de 150 mil ingressos vendidos nos primeiros dias.

A versão longa-metragem tem estreia agendada para 28 de janeiro, e a Igreja Universal do Reino de Deus – que vem divulgando o filme entre os fiéis – reafirmou os planos de tornar “Os Dez Mandamentos” a maior bilheteria do cinema nacional, superando “Tropa de Elite 2”, que alcançou 11 milhões de espectadores em 2010.

“Os números impressionantes da pré-venda de ‘Os Dez Mandamentos – O filme’ provaram que conquistar o título de mais vendido não é uma perspectiva pretensiosa da Rede Record de Televisão com a Paris Filme”, diz trecho de um comunicado da Universal.

Ainda segundo a denominação do bispo Edir Macedo, a pré-venda do filme “tende a ser superior, já que as pequenas e médias distribuidoras levam mais tempo para contabilizar as vendas”.

Na visão dos produtores e distribuidores de “Os Dez Mandamentos”, o filme “já desbanca grandes produções internacionais, como o filme ‘Star Wars: O Despertar da Força’, da Walt Disney Pictures, que, no esquema de pré-venda, vendeu 300 mil ingressos, mas em 2 meses, o que dá, em média, 1 mês para se chegar à marca que ‘Os Dez Mandamentos’ bateu em apenas 4 dias”.A revista norte-americana The Economist noticiou que até o momento, o campeão bíblico de bilheteria é o longa homônimo “Os Dez Mandamentos”, lançado em 1956, do diretor Cecil B. DeMille, que arrecadou mais de US$ 1 bilhão nos Estados Unidos, em valores atuais.

Ainda sobre o segmento religioso, outros filmes famosos ocupam a lista dos mais vendidos, entre eles “Ben-Hur”, de 1959, dirigido por William Willer, com 40 prêmios e nomeações; e “Sansão e Dalila”, de 1949, de Cecil B. DeMille.

Envie um comentário